Vírus da zika pode causar complicações neurológicas em adultos

Antes acreditava-se que a doença afetava somente as células progenitoras ou neurônios ainda imaturos, como no cérebro dos fetos. Segundo pesquisador, corte de bolsas da Capes torna ‘impossível’ continuidade da pesquisa.

Um estudo de pesquisadores da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) publicado nesta quinta-feira (5) na Nature Communication – um dos principais veículos de divulgação científica do mundo – indica que o vírus da zika é capaz de infectar tecidos cerebrais adultos.

Antes, acreditava-se que a doença afetava somente as chamadas células progenitoras ou neurônios ainda imaturos, como ocorre no cérebro dos fetos. A doença é transmitida pelo mosquito Aedes Aegypti.

O coordenador do estudo e professor do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho, da UFRJ, Sérgio Teixeira Ferreira, explicou que a principal contribuição da pesquisa foi revelar que o vírus não afetava apenas cérebros em desenvolvimento.

“É importante ressaltar que a formação da nova geração de mestres e doutores é um pilar fundamental para o desenvolvimento da ciência, tecnologia e inovação do Brasil, potencializando o crescimento econômico e social, diminuindo as assimetrias, e levando a melhores condições de vida da população brasileira”, explicou.

Fonte: https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/2019/09/05/virus-da-zika-pode-causar-complicacoes-neurologicas-em-adultos-diz-estudo-da-ufrj.ghtml